Estante Andreia Brites

Boa Noite de Cada Canto do Mundo
VVAA 
Anna Láng, ilustração 
Susana Silva, Tradução
Jacarandá 

São setenta pequenos contos e fábulas oriundos dos cinco continentes, de países tão diversos como o Canadá, Santo Domingo, Tajiquistão, República Democrática do Congo, República Checa ou Austrália. De leitura muito acessível, constituem-se como morais ou respondem a processos cosmogónicos ou do meio natural: bruxas, princesas e Reis, maldições, amizades, objetos mágicos, os elementos, a astronomia têm todos o seu lugar reservado. A ausência de referência a épocas ou fixadores dos textos deixa antever que se trata de adaptações e simplificações. No entanto, são válidos para constatar uma certa universalidade nas narrativas de transmissão oral, embora bem mais complexa da que aqui se plasma.