Estante Sara Figueiredo Costa

Diário da Peste — O Ano de 2020
Gonçalo M. Tavares
Relógio D’Água

Desde que a pandemia de COVID-19 atravessou o mundo e se instalou no nosso quotidiano comum, Gonçalo M. Tavares tem vindo a registar reflexões, pequenas deambulações pelo tempo e pela história, pensamentos sobre o que mudou e o que permanece, uma crítica atenta e ética aos mecanismos do mundo. Esses textos vêm sendo publicados no semanário Expresso e parte deles, os que correspondem ao ano de 2020, estão agora reunidos em livro, compondo um importante ponto de reflexão e memória do estranho ano que deixámos para trás.